top of page

MERCADO IMOBILIÁRIO 2024




No começo de 2023, o clima era de incerteza sobre os rumos do País devido à troca do governo federal. Já ao longo do ano ficou claro que a economia brasileira como um todo iria crescer mais que o projetado, o que ajudou o mercado imobiliário.

Este se encerra resiliente apesar das turbulências da econômia, a visão é que o ambiente econômico é saudável no país, além de fatores que favoreceram as vendas das moradias como as novas regras do Programa Minha casa Minha VIda que reaqueceu o segmento popular. As As novas regras que entraram em vigor em julho ampliaram os subsídios, reduziram os juros dos financiamentos e ampliaram o limite de preços no programa.


Taxa SELIC em queda, inflação controlada, desemprego baixo e crescimento do PIB, tudo a favor em nosso setor!


O próximo ano deve ficar estável com um pequeno crescimento. Essa estimativa vale tanto para a grande São Paulo - onde se concentram os lançamentos e vendas - como para o mercado nacional.


Por sua vez, o mercado imobiliário de médio e alto padrão tende a caminhar mais lentamente devido aos juros altos dos financiamentos. Pela frente, o setor deve se beneficiar do ciclo de redução da Selic, o que deverá se refletir em queda nos juros do crédito habitacional no ano que vem – embora isso deva acontecer só da metade do ano em diante.


E aí , qual a sua opinião ?







2 visualizações0 comentário
bottom of page